Comunicação e imaginário - uma proposta mitodológica

Ana Taís Martins Portanova Barros

Resumo


A relação com o real é discussão estratégica no campo da Comunicação. Dada a importância cada vez mais reconhecida do imaginário na construção de realidades, este artigo propõe uma metodologia de estudo de imagens simbólicas específica para a Comunicação, área na qual o imaginário, apesar de não ser ignorado, não é estudado empiricamente. Recenseiam-se as questões lexicais e heurísticas ligadas ao termo imaginário, bem como algumas noções-chave provenientes dos Estudos do Imaginário, a saber a de imaginação material, sincronicidade, arquétipo, illud tempus e mito. Busca-se na Teoria Geral do Imaginário de Gilbert Durand a mitodologia como proposta para a pesquisa em Comunicação, exemplificando sua aplicação.

Palavras-chave


Comunicação. Pesquisa. Real. Imaginário. Mitodologia.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.1590/rbcc.v33i2.596